Será julgado nesta quinta-feira (10) o homem acusado de colocar fogo na casa e matar os filhos, no dia 4 de Janeiro de 2017, no bairro Mangabeira. Os interessados em acompanhar o julgamento devem fazer o cadastro nesta quarta-feira (9) no cartório da vara do Tribunal do Júri. De acordo com a juíza Márcia Simões Costa, titular da Vara do Júri da Comarca de Feira de Santana, 100 pessoas poderão assistir a esse júri.

“Temos 100 lugares disponíveis e só quem estiver cadastrado vai poder assistir. Não tenho condições de liberar para que todos assistam até por questão de segurança. Desses 100 lugares, vamos disponibilizar 90 lugares para a população e 10 para testemunhas e familiares. Vamos cadastrar 120 pessoas para caso de desistência”, observou.

Foto: Aldo Matos/Acorda Cidade | juíza Márcia Simões Costa

A juíza ressaltou que esse caso chamou a atenção da população e despertou a curiosidade das pessoas, por isso ela acredita que muita gente vai querer acompanhar o júri. Devido à quantidade de pessoas prevista para assistir o julgamento, ela afirma que foi solicitado um reforço policial.

“Teremos que ter um pouco mais de cuidado, não por conta do acusado, que está preso e a guarda faz seu trabalho bem feito, mas por conta da quantidade de pessoas interessadas em assistir, e, até para organizar, vou necessitar de um auxílio policial”, explicou.

A juíza Márcia Simões Costa disse ainda que não acredita que o júri deva se prolongar por muito tempo, já que não há testemunhas para serem ouvidas em plenária.

“Iniciaremos o julgamento com o interrogatório do acusado, onde ele poderá fazer uso do silêncio ou não, depois haverá os debates e em seguida a defensoria pública vai se pronunciar. Pode ser que tenha réplica e tréplica. É um julgamento que não deve se prolongar muito”, disse.