Por: Luiz Santos

Já falei e repito sou a favor do programa Mais Médicos. Esse foi um dos melhores programas que o governo petista criou para levar saúde em tempo real aos mais necessitados nas diversas partes do Brasil, nos lugares mais remotos onde esses pobres coitados eram abandonados e só ouviam falar no médico, mas não tinham acesso aos doutores da medicina. Para essa gente sofrida e esquecida, passar por 5 minutos em uma consulta médica, fazer uma cirurgia e ir à clínica de saúde , realizar determinados exames era impossível. Médico era algo escasso, até parecia que ainda viviam no tempo da caverna.

Depois do Mais Médicos tiveram a oportunidade de cuidar da saúde, com profissionais que mesmo enfrentando as barreiras culturais, os protestos de colegas de profissão, deixaram tudo pra trás e vieram cuidar, olhar olho no olho da nossa gente, coisa que infelizmente muitos dos nossos profissionais da medicina estavam e estão preocupados com status ,preocupados com o Ter e não com Ser.

O nosso povo, muitos tiveram acesso ao médico pela primeira vez na vida com esse programa. Os Cubanos, em especial, foram surpreendentes, deram um show de solidariedade, humildade, humanitarismo. A passagem deles vai marcar uma geração e espero que sirva de exemplo, de inspiração pra os nossos futuros profissionais. Os impactos da retirada de forma abrupta desses já estão fazendo estragos na vida de muitos pobres coitados.

Espero que os nossos médicos formados, aqui e fora do país, possam preencher essas vagas e mostrar sua competência que eu tenho certeza que são hiper competentes o mais rápido possível e não façam distinção de onde vão trabalhar, se em grandes centros ou nos glotões desse imenso Brasil.

Da nossa parte, só dizemos obrigado Cubanos! Nós pobres desprezados somos gratos a vocês pelo resto da vida.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui